A Justiça decidiu internar na Fundação Casa três alunos detidos por suspeitas de ameaçar uma professora e vandalizar uma sala de aula...

Justiça Decide Internar 3 Alunos na Fundação Casa por Ameaçar Professora e Vandalizar Escola


A Justiça decidiu internar na Fundação Casa três alunos detidos por suspeitas de ameaçar uma professora e vandalizar uma sala de aula da Escola Estadual Maria de Lourdes Teixeira, no dia 31 de maio em Carapicuíba, na Grande São Paulo. Vídeos feitos por celulares gravaram os atos de vandalismo viralizaram nas redes sociais.

A Vara da Infância e Juventude determinou que outros seis estudantes que haviam sido apreendidos pela Polícia Civil fossem liberados. Ainda por determinação judicial, outro aluno identificado pela investigação não foi detido.

O Ministério Público (MP) divulgou que irá recorrer da decisão da Justiça. A Promotoria da Infância e Juventude solicitara a internação dos dez estudantes envolvidos na ameaça e vandalismo. Os alunos tem entre 12 anos a 15 anos de idade e foram suspensos da escola. De acordo com a investigação, eles foram identificados nas imagens que circulam nas redes sociais.


Eles foram ouvidos em audiência judicial na terça-feira (4), que determinou a apreensão de três deles e a liberação dos outros seis para seus pais. O décimo estudante foi identificado, mas não foi levado à Justiça.

Os três indivíduos detidos como infratores serão internados numa das unidades da Fundação Casa. Lá eles irão exercer medidas socioeducativas. Segundo com a polícia, os alunos detidos admitiram ter ameaçado a professora e cometido o vandalismo na sala de aula.

Tribunal de Justiça (TJ) e Ministério Público não divulgaram ao por quanto tempo os adolescentes ficarão apreendidos. Normalmente o tempo inicial de internação é de 45 dias, sendo possível prorrogar esse período.

O processo do caso terá continuidade na Justiça com o depoimento da vítima e testemunhas. A professora ameaçada tem 45 anos de idade, e dá aulas de português e inglês para o sétimo ano do colégio em Carapicuíba - SP.

2 comentários: