A Polícia Militar do Estado de São Paulo vai abrir novos editais de concursos públicos (Concurso PM SP). A corporação divulgou a info...

Vai abrir novos edital do concurso PM SP com 5.600 vagas. Salários inicial de R$3.497,00


A Polícia Militar do Estado de São Paulo vai abrir novos editais de concursos públicos (Concurso PM SP). A corporação divulgou a informação de que assinou o contrato com a  Fundação Vunesp para organização do certame para Soldados. O extrato do contrato foi divulgado nesta quarta-feira, 18 de março.

A expectativa é que o certame seja publicado até abril. A informação foi confirmada pelo capitão da PM-SP, O’Brien Pineda Teixeira, que faz parte da comissão organizadora na área de coordenação técnica.

Segundo informou Teixeira, os trâmites pendentes dependem de alguns outros setores e condições, entre elas financeiras, para formalizar a escolha. A banca escolhida já tem vasta tradição e costuma organizar anualmente os concursos da corporação, o que pode agilizar todo o processo de documentação.

No dia 14 de fevereiro foi anunciado o grupo de trabalho que vai formar a comissão organizadora dos certames.

Os policiais da comissão vão ficar responsáveis pelas principais etapas que antecedem a publicação dos editais, além de supervisionar a realização do concurso durante as etapas posteriores. Veja os membros da comissão:

Presidente – Cel Mônica Puliti Dias Ferreira;
Suplente – Ten Cel Decio dos Santos Gomes;
Vice-Presidente – Maj Alan Fernandes;
Suplente – Maj Adriana Nunes Nogueira;
Coordenação Técnica – Cap O’Brien Pineda Teixeira;
Suplente – 1º Ten Bruno Scalco dos Santos

Foi divulgado no Diário Oficial do Estado, edição do dia 25 de janeiro, o documento autorizativo para o novo certame da corporação. Ao todo, foram liberadas mais de 5.600 vagas, com provimento de vagas já a partir de dezembro de 2020.

Os editais de concurso PM-SP foram autorizados, ao todo, com 5.605 vagas, distribuídas entre os cargos de Segundo Tenente Médico PM, Aluno Oficial PM, Soldado PM, Segundo Tenente Dentista, Segundo Tenente Veterinário PM e Segundo Tenente Farmacêutico PM. Para Soldado são 5.400 vagas distribuídas em dois editais, sendo um no primeiro semestre com 2.700 vagas e outro no segundo semestre também com 2.700 vagas.

Ainda segundo o texto autorizativo, os editais serão publicados conforme sequência das vagas acima. Os provimentos das vagas vão ocorrer já a partir de dezembro de 2020, no caso do segundo tenente médico.

Para o cargo de Soldado da PM-SP estão previstos dois concursos, com 2.700 vagas distribuídas para cada edital. Segundo o texto de autorização, uma das seleções terá convocações em maio de 2021 e a outra para novembro de 2021.

São requisitos para a inscrição no concurso público de Soldado: ter o ensino médio; ser brasileiro; ter idade mínima de 17 (dezessete) anos; ter idade máxima de 30 (trinta) anos; ter estatura mínima, descalço e descoberto, de: 1,55 m (cento e cinquenta e cinco centímetros), se mulher; 1,60m (cento e sessenta centímetros), se homem; e haver recolhido a taxa de inscrição prevista neste Edital.

O cargo de Soldado tem salário de R$3.164,58. Após o estágio probatório, na graduação de soldado de 1ª Classe, a remuneração passará a ser de R$3.497,00.

Já o cargo de Oficial tem o nível médio como requisito, idade entre 17 e 30 anos e altura mínima de 1,55m para mulheres e 1,60m para homens. Para o posto de tenente é preciso ter graduação na área de interesse.

O aluno-oficial terá salário de R$3.116,76 e, após o estágio probatório, já no posto de 2º tenente, a remuneração passará a ser de R$6.726,10.


Último edital PM-SP foi divulgado em 2019

O último concurso da PM-SP foi divulgado em 2019. Na época, a corporação abriu três editais, sendo dois com 2.700 vagas de soldado e um com 190 vagas para oficiais. A  Fundação Vunesp os editais.

Para Oficiais foram cobradas 80 questões nas provas, distribuídas entre matérias de História; Filosofia; Sociologia; Geografia; Língua Portuguesa e interpretação de texto; Língua Inglesa ou Espanhola; Matemática; Noções de Administração Pública; e Noções Básicas de Informática.


Veja as apostilas para começar os estudos AQUI


O concurso da Polícia Militar de São Paulo para Soldado de 2ª Classe foi composto por:

a) Exames de Conhecimentos, que serão divididos em: Prova Objetiva (Parte I), de caráter eliminatório e classificatório, visa avaliar o conhecimento do candidato para o desempenho das atribuições e versará sobre o conteúdo programático constante no “Anexo B”; Prova Dissertativa (Parte II), de caráter eliminatório e classificatório, visa avaliar a capacidade do candidato de produzir uma redação que atenda ao tema e ao gênero/tipo de texto propostos, além de seu domínio da norma culta da língua portuguesa e dos mecanismos de coesão e coerência textual;

b) Exames de Aptidão Física, de caráter eliminatório, visam avaliar o desempenho físico do candidato, que deverá obedecer aos padrões exigidos para o cargo;

c) Exames de Saúde, de caráter eliminatório, os quais visam avaliar as condições de saúde do candidato;

d) Exames Psicológicos, de caráter eliminatório, visam identificar características de personalidade, aptidão, potencial e adequação do candidato ao perfil psicológico estabelecido para o cargo;

e) Avaliação da Conduta Social, da Reputação e da Idoneidade, de caráter eliminatório, visa à apreciação da conduta social, reputação e idoneidade do candidato, em sua vida pregressa e atual em todos os aspectos da vida em sociedade, quer seja social, moral, profissional, escolar, quanto à compatibilidade para o exercício do cargo;

f) Análise de Documentos, de caráter eliminatório, tem por finalidade analisar os documentos apresentados pelos candidatos para comprovação dos requisitos e condições para ingresso.

A Prova Objetiva foi composta por 60 (sessenta) questões de múltipla escolha com cinco alternativas cada uma, sendo apenas uma alternativa correta, de acordo com o conteúdo programático. A avaliação contou com questões de Língua Portuguesa e Interpretação de Texto, Matemática, Conhecimentos Gerais, Noções Básicas de Informática e Noções de Administração Pública.

0 comentários: